Dia das mães no e-commerce
Agência

Dia das Mães no e-commerce: lista traz 5 motivos para investir na data mesmo durante a pandemia

Data deve ser a primeira prova de fogo do comércio eletrônico no atual cenário de isolamento social
Compartilhe!

Uma das datas mais importantes do comércio brasileiro deste começo de ano tem sido motivo de preocupação para quem trabalha com vendas. O tradicional “Dia das Mães”, comemorado no segundo domingo de maio, será a primeira grande data do varejo afetada por causa da pandemia do novo coronavírus.

Segundo um estudo realizado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o setor já soma um déficit de 86 bilhões de reais desde que as medidas restritivas de isolamento social promovidas pelas autoridades entraram em vigor. E como as lojas físicas ainda devem permanecer fechadas até o próximo domingo, o e-commerce se transformou na principal alternativa para aproveitar a data.

Com um crescimento significativo durante a crise, as lojas virtuais devem movimentar cerca de 106 bilhões de reais até o final do ano, segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm). Por isso, a expectativa para a comemoração do Dia das Mães é alta, já que os e-commerces terão, praticamente, exclusividade na venda.

Além dos números expressivos, listamos alguns motivos para você acreditar no poder de vendas do Dia das Mães e investir no seu negócio, mesmo em tempos de crise. Confira: 

O Dia das Mães vai acontecer, inclusive, no e-commerce

Por mais que o mundo todo esteja confinado por causa da pandemia, a comemoração do Dia das Mães vai acontecer. É certo que houve algumas tentativas de governantes e associações comerciais para transferir a data para julho ou agosto, mas os sentimentos de afeto das pessoas permanecem atrelados à segunda semana de maio.

A maioria das lojas virtuais já começaram as campanhas do Dia das Mães em seus sites, o que reforça ainda mais essa afirmação.

Comprar online é o jeito mais seguro de evitar o contato social

Ir a uma loja procurar um presente para a mãe não é uma realidade. Além das lojas físicas estarem fechadas, sair de casa vai totalmente contra as orientações de isolamento. Outro ponto importante é que presentear alguém pessoalmente não só traz riscos de contágio para você, mas também para quem ama.

Por isso, comprar online é a melhor alternativa. A escolha do produto acontece de forma remota e sua entrega é realizada no endereço indicado por profissionais treinados. As chances de contaminação são reduzidas se comparada às compras físicas.

Os e-commerces estão ganhando novos clientes todos os dias

E são muitos!

A mesma pesquisa da ABComm do começo da matéria aponta que o comércio eletrônico ganhou mais 4 milhões de novos clientes só no começo deste ano. Grande parte deste número vem da falta de oferta dos produtos que eram oferecidas pelo varejo físico.

Quem vende online já deve ter sentido o aumento na demanda. Uma outra pesquisa feita NZN Inteligence, e reproduzida pelo E-commerce Brasil, mostra que 71% dos brasileiros aumentaram seus hábitos de compra online. Mais um motivo para reforçar a sua presença digital ainda nesse Dia das Mães.

Ainda há tempo para você vender na internet

Como dito, o número de pessoas que passaram a comprar na internet cresceu bastante nos últimos meses. Isso significa que o comportamento dos clientes mudou em relação a compras online, o que levanta a hipótese de que esse público deve continuar comprando em lojas virtuais mesmo após a crise.

Essa é uma ótima oportunidade para migrar o seu negócio. Caso você não tenha em mente a criação de uma loja virtual a curto prazo, o marketplace pode ser uma saída.

Seus produtos serão vendidos em grandes e-commerces, mesmo que seu negócio não esteja na internet. O B2W Marketplace, por exemplo, é o canal de atendimento responsável por agregar novos lojistas nos sites da Americanas, Submarino e Shoptime.

Outra alternativa bem mais rápida para pegar o timer do Dia das Mães é oferecer as suas mercadorias nas redes sociais. Tem muita gente procurando um presente em grupos do Facebook, Instagram e WhatsApp, por exemplo. Além de gerar caixa para sua empresa, isso vai ajudar você a compreender melhor o seu público e dar insights sobre criação de anúncios de produto, desenvolver processos de entrega, e muito mais.

E como anunciar os produtos para ocasião?

Cada plataforma online oferece uma gama variada de possibilidades para criar anúncios de produtos específicos em datas sazonais. O Dia das Mães é considerado a terceira maior data sazonal para comércio eletrônico depois da Black Friday e do Natal, por isso, todo investimento em divulgação é válido para atrair o público. Veja o que é possível fazer em cada caso:

Loja virtual

Como estamos falando de uma plataforma própria de vendas, você terá mais liberdade para divulgar seus itens. A regra é transformar a home do seu site com um layout personalizado para campanha do Dia das Mães.

A palavra “Economia” deve dar tom às promoções, uma vez que estamos em tempos de crise, e todo gasto deve ser bem calculado. Fazer kits de produtos com suas principais apostas é uma opção para atrair a atenção.

Marketplace

Mesmo comercializando seus produtos em sites de terceiros, é possível criar um conteúdo específico para o Dia das Mães. Cada e-commerce oferece suas opções de personalização para lojistas. Contate seu representante para conhecê-las!

Nos sites da B2W Digital, por exemplo, é possível criar hotsites personalizado para sua campanha de Dia das Mães. Lá, você pode expor suas principais apostas em um layout exclusivo, com mais espaço para inserir conteúdo multimídia sazonal, que uma vitrine de e-commerce não consegue oferecer.

Redes Sociais

Se você é novo na internet e está descobrindo como vender seus produtos em ambiente virtual, as redes sociais oferecem as possibilidades mais simples e até mesmo gratuitas. Você pode criar uma página da sua loja no Facebook ou no Instagram, por exemplo, e inserir o conteúdo dos seus produtos lá como se fosse uma loja virtual.

Essas redes sociais oferecem esse serviço para o lojista de forma fácil e totalmente gratuita. Aí é só caprichar nas fotos, que podem ser tiradas com o próprio celular, criar uma chamada com o nome exato do produto e caprichar no descritivo. Usar hashtags também ajuda na divulgação. Escreva os termos que mais tem a ver com o seu produto para que ele seja encontrado.

A BCreative Content fez dois webinars que podem te ajudar nessa tarefa de criar anúncios. Vale a pena conferir. Você pode acompanhar nesse link.

Depois é só divulgar link da sua loja com seus clientes, amigos e pessoas interessadas nas suas mercadorias. Você pode encontrá-las em grupos de vendas especifica. Faça uma pesquisa no campo de busca para descobrir esses grupos.

Curtiu? Então aproveite para compartilhar esse artigo com outras pessoas também querem aproveitar o Dia das Mães para vender mais. Continue navegando no nosso blog para saber mais sobre conteúdo para e-commerce, escute nosso Podcast e siga nossa página no Instagram. Assim, não vai faltar informação para você desenvolver sua estratégia 🙂


Compartilhe!